Chá de malva e guaco remédio caseiro limpa pulmão e ajuda na tosse com catarro

A malva é uma planta medicinal, também conhecida como Malva-cheirosa, Malva-das-boticas, Malva-silvestre, Malva-de-casa, Malva-rosa ou Rosa cheirosa, muito utilizada no tratamento de infecções. Seu nome científico é Malva sylvestris e pode ser comprada em lojas de produtos naturais, farmácias de manipulação e em algumas feiras livres e mercados.

O chá de malva pode ser tomado e é excelente para combater a prisão de ventre, soltar o catarro e combater a dor de garganta. Outra forma de aproveitar as propriedades das flores de malva é fazendo um cataplasma com as folhas e flores amassadas, que podem ser aplicadas nas picadas de inseto e feridas, porque tem ação cicatrizante.

Quais os benefícios

A Malva tem inúmeros benefícios para a saúde, sendo ótima para aliviar a irritação das mucosas da boca e da faringe, úlceras na boca e faringe, inflamação das vias respiratórias e tosse irritante e seca. Além disso, esta planta também é conhecida por ajudar a tratar a gastrite se tomada em forma de chá.

O seu uso tópico serve também para tratar picadas de insetos, eczemas inflamatórios e feridas com ou sem produção de pus.

As propriedades da malva incluem sua ação laxante, diurética, emoliente e expectorante.

Para que serve a malva

A Malva pode ser ingerida em forma de chá, para o tratamento de infecções, prisão de ventre, aftas, bronquite, catarro, dor de garganta, rouquidão, faringite, gastrite, irritação dos olhos, mau hálito, tosse e úlcera ou em cataplasma com as folhas e flores amassadas, para tratar picada de insetos, feridas, abcessos ou furúnculos.

Como fazer o chá de malva

As partes da malva usadas para fins medicinais são suas folhas e flores para chás ou infusões.

Ingredientes

  • 2 colheres de sopa de folhas secas de Malva;
  • 1 xícara de água ferventes.